Agosto 2019 ~ Quixabeira do Assaré

INCÊNDIO NA SERRA DE SANTANA JA QUEIMOU MAIS DE 300 HECTARES DE MATAS!


Share:

Conheça um pouco da MOB Telecom Assista!


Share:

Assaré realiza Caminhada “Por uma Infância sem Racismo”


Esta caminhada marca o interesse da Secretaria Municipal de Educação assareense em extinguir o preconceito racial, a partir das escolas públicas. O projeto, que teve à frente a professora Galega Rodrigues, reuniu os seguintes parceiros, além da educação: Escola Estadual de Educação Profissional Nedina Onofre, Pastoral da Criança, Núcleo de Cidadania de Adolescente – NUCA, CRAS, CREAS, CAPS, NASF, Centro Social Maria de Jesus Oliveira e todas as demais secretarias da Gestão.
O evento foi levado a efeito por uma grande caminhada envolvendo alunos das escolas públicas, a vice – prefeita professora Maria É, a Secretária de Educação Eldevanha de Souza, a Coordenadora de Políticas Públicas e do Selo UNICEF Vandinha Almeida, o articulador do Selo UNICEF no Município professor Aguinaldo Cândido, a Secretária de Saúde Roberta Norões, o Secretário de Infraestrutura Dr. Anísio Mota, o Secretário de Cultura Vává Gois, o Secretário da Agricultura Iésio Cavalcante, a Procuradora do Município Jéssica Leite, funcionários e populares.
A coordenadora do projeto “Por uma Infância sem Racismo” professora Galega Rodrigues, ao se pronunciar sobre a campanha, disse:
Olá minha gente. Estamos na praça com mais uma campanha para estimular as pessoas a viverem bem. A campanha que estamos fazendo nesta manhã, através da Secretaria de Educação e todas as demais pastas da gestão que entram como parceiras, não está relacionada a alimentação do corpo, mas da alma. Para se viver bem na comunidade é necessário um corpo são e a alma mais ainda. E como se alimenta a alma? Ora, isso é muito fácil. Basta usar a razão. E o que é a razão? É a maneira de conhecer o Mundo através do respeito aos outros, ser amigo, ser solidário, ser generoso e identificar em cada pessoa que está ao seu redor, a figura de um irmão. A felicidade mora conosco, desde que se respeite e entenda o modo de vida do outro.
E uma das maiores agressões que se verifica na humanidade, no povo brasileiro é o chamado racismo. O racismo é não querer aceitar a cor da pele morena, principalmente, dos descendentes afros que estão incorporados à nossa nação desde o século XVI quando se adotou a escravidão negra no Brasil Colonial.
Houve a libertação dos escravos. Os negros ao invés de serem acolhidos, foram perseguidos e ainda hoje, o País tem uma grande dívida com esta raça. O negro já sofreu demais. Pagou com seu sangue o suor que derramou para fazer do Brasil um grande País. Ele esteve presente em tudo: na lavoura, na mineração, na exploração extrativista e nas guerras em defesa do solo pátrio. O negro só não esteve presente nas festas pomposas, nas alegrias dos brancos. Enquanto o branco se divertia, o negro amargava a prisão e solidão das senzalas.
Chegou o momento de dá um basta em tudo isso. É vergonhoso saber que no século 21 o negro ainda seja vítima da terra que ele nasceu e se criou. Se não existem mais os castigos físicos, mas existem os castigos psicológicos pela segregação. Mesmo sabendo que hoje somos um País miscigenado, a maioria de nossa gente ainda coloca a cor como sentença infernal.
Então, minha gente, vamos refletir pela razão. Respondam com sinceridade: que tipo de mal ou ofensa faz uma pessoa por ser afrodescendente ou ter o sangue indígena ou qualquer outra cor? O que justifica alguém ser humilhado por conta da cor?
O que identifica uma pessoa é o caráter. O seu estilo de viver com dignidade, cumprindo com as obrigações para gozar de direitos. A cor não quer dizer nada. O preconceito de cor faz parte de uma infeliz cultura do povo brasileiro. Transforme o ódio do preconceito em fazer o bem às crianças. Vivemos em uma sociedade cheia de males que atingem diretamente ao jovem. Somos responsáveis pela construção do futuro. Então vamos preparar as crianças de hoje, para que tenhamos um Brasil solidário, de progresso e paz”.
Na Praça do Mercado, ponto culminante da programação do projeto Assaré “Por uma Infância sem Racismo” e Por um Futuro Sem Preconceitos, com as seguintes apresentações:
-Dança Roda Africana com os alunos da Escola Maria Isabel, coordenado pelo professor Tiago Teles.
-Contação de História: “A Galinha Preta” contada pela diretora do CEI João Vicente- Professora Jeane Cezário e a professora da Creche José Daniel- Cristiane Plácido
-Peça Teatral: “Menina Bonita do Laço de Fita” com os alunos da Escola Maria Isabel e coordenado pela professora Valdelice Rogério.
-Grupo de Capoeira: “Ananias na Ginga do Saber” apresentado pelos alunos e da Esc. Ananias de Melo e coordenado pelo Mestre Mauricio Moreira.
 – Declamação da poesia “Nêgo não Nego”, pelo aluno Renato do NUCA.
O evento foi concluído com a fala da Coordenadora das Políticas Sociais do Município, ativista Vandinha Almeida.














Share:

Esquema ilegal Cartões do Bolsa Família eram usados como garantia de pagamentos para agiotas

    O homem foi encontrado com mais de 40 cartões magnéticos, além de extratos                    bancários de diversas pessoas (Foto:Divulgação/SSPDS)

Em 30/08/2019 às 14:36
Um homem foi autuado por crime contra a economia popular, popularmente conhecido como agiotagem, na tarde desta quarta-feira (28), em Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza. Ele foi encontrado com mais de 40 cartões de terceiros, incluindo aqueles para recebimento do benefício do Bolsa Família, que mantinha como garantia dos pagamentos daqueles que deviam dinheiro.

O suspeito emprestava dinheiro a juros maiores que os permitidos pela legislação brasileira, além de ameaçar as pessoas que contraíam os empréstimos com ele e atrasavam o pagamento. O homem negou a acusação em depoimento.

A polícia encontrou o suposto agiota no Bairro Jereissati II, com alguns cartões magnéticos e R$ 330 em espécie. Na residência dele também havia mais cartões, além de extratos bancários de pessoas diversas e mais R$ 470.

Ele foi levado à Delegacia Metropolitana de Maracanaú, onde foi lavrado um termo circunstanciado de ocorrência (TCO), com base no artigo 4º da lei nº 1.521/1951 (Lei de Crimes contra a Economia Popular) em desfavor dele. A Polícia Civil investiga se há algum idoso entre as vítimas. Caso seja comprovada a existência de vítima acima dos 60 anos, o homem poderá responder a crimes previstos no Estatuto do Idoso.

Fonte: G1 CE
Share:

Investigações Dois gerentes de banco são presos no Ceará suspeitos de esquema de desvio de mais de R$ 59 milhões




Em 30/08/2019 às 06:10
Dois gerentes do Banco do Brasil (BB) no Ceará e outras quatro pessoas foram presos suspeitos de envolvimento em um esquema que tentou desviar R$ 59.998.765,00. O caso foi registrado nesta quinta-feira, 29. As informações são da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE). Os gerentes do BB Pedro Eugênio Leite e Celso Luiz Grillo de Lucca trabalhavam nas cidades cearenses de General Sampaio e Tejuçuoca, respectivamente.

Eles foram presos mediante cumprimento do mandado de prisão temporária de cinco dias expedidos pelo Poder Judiciário de Pentecoste. Os gerentes afirmaram terem sido sequestrados e que foram coagidos a realizar a transação financeira. Para movimentar a quantia foi necessária a assinatura digital dos dois gerentes. A Justiça bloqueou todas as contas que receberam os valores desviados, com base na lei da lavagem de dinheiro. Os celulares deles foram apreendidos.

De acordo com o delegado Victor Piona, titular da delegacia municipal de Pentecoste, as investigações apontaram que um dos gerentes forjou um crime de extorsão. Ele tinha a intenção de convencer um funcionário a realizar saques e transferências para contas determinadas pelos criminosos. No entanto, o plano foi descoberto e os dois foram presos.

Após a troca de informações da Polícia Civil e do setor de inteligência do próprio banco, ao perceber a movimentação suspeita, bloqueou parte dos valores desviados. O plano criminoso foi desarticulado na última sexta-feira, 23, depois que a Polícia Civil prendeu, no município de General Sampaio, Jefferson Alves Ferreira, 47, natural de Minas Gerais.

O homem teria vindo ao Ceará com o intuito de participar da ação fraudulenta, porém foi capturado. Com a descoberta do crime, a PCCE repassou informações para a Polícia Civil de São Paulo que capturou, na cidade de Ribeirão Preto, outras três pessoas que participavam do crime.

O Departamento de Polícia Especializada, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) e do Departamento de Polícia do Interior Norte (DPI/Norte), com apoio da delegacia de Pentecoste, realizou a ação.

Como funcionava o esquema

De acordo com informações, a ação teve o apoio do Ministério Público. O setor de inteligência do Banco do Brasil verificou que havia um golpe em andamento e que os criminosos criaram um débito na agência de General Sampaio. Em seguida, eles creditaram em uma conta poupança do estado de São Paulo e receberam ajuda de funcionários da agência.

Já com o crédito em conta, os operadores começaram a fazer uma espécie de pulverização dos valores. Dois homens e uma mulher foram presos em Riberão Preto, no interior de São Paulo. Eles faziam diversas operações financeiras.

Um dos presos havia recebido na conta R$ 59.998.765,00. Foram desviados de contas por meio de aviso de crédito feitos por gerentes de bancos do estado do Ceará. Na cidade de General Sampaio foi preso o Jefferson Alves Ferreira, 47 anos. Ele foi quem revelou o envolvimento dos gerentes de banco de General Sampaio e Tejuçuoca.

G1

Por Redação
Miséria.com.br
Share:

Entorpecente foi trazido de Rondônia Fotógrafo com 45 quilos de cocaína é preso no Ceará ao tentar entregar droga

      Entorpecentes vinha de Roraima e tinha como destino Fortaleza (Foto: PRF-CE)

Em 30/08/2019 às 14:31
Um fotógrafo foi preso na manhã desta quinta-feira (29) por transportar 45 quilos de cocaína dentro de um automóvel, em São Gonçalo do Amarante, na Grande Fortaleza. Segundo a Polícia Rodoviária Federal do Ceará (PRF-CE), a apreensão ocorreu no quilômetro 65 da BR-222. A droga vinha de Rondônia e seria entregue em Fortaleza.

Agentes da PRF abordaram um Ford Fiesta, cujo motorista do veículo, de 28 anos, afirmou que vinha de Marabá (PA) para comprar peças de vestuário em Fortaleza e revender na cidade de origem. O motorista afirmou para os agentes que era fotógrafo e que trabalhava com restauração de fotos antigas e que depois de comprar as peças de confecção iria para Juazeiro do Norte para um ensaio de fotos. Dentro do veículo havia quadros e fotografias.

Os policiais rodoviários federais, após desconfiarem de atitude suspeita do motorista, realizaram vistoria mais minuciosa no interior do veículo, onde acharam diversos tabletes envoltos em fita adesiva. Ao realizarem teste químico, descobriram que se tratava de substância análoga à cocaína.

O homem foi detido por tráfico interestadual de drogas e a ocorrência foi encaminhada à Polícia Federal em Fortaleza.

Fonte: Diário do Nordeste
Share:

Cantor Eduardo Costa revela que teve prejuízo de R$ 5 milhões por apoiar Bolsonaro

    Eduardo Costa revela que teve prejuízo de R$ 5 milhões por apoiar Bolsonaro (Foto:Reprodução/ 180 Graus)

Em 30/08/2019 às 14:22
Eduardo Costa surpreendeu ao revelar que teve um prejuízo de quase R$ 5 milhões por declarar apoio ao presidente Jair Bolsonaro nas eleições, no ano passado. Durante a campanha eleitoral, o sertanejo sempre expôs sua adoração pelo na época candidato. Com informações do UOL.

“Perdi muito show. Tomei um prejuízo com o Bolsonaro de quase R$ 5 milhões só pelas coisas que eu falei na época. Eu fazia cerca de 145 a 150 shows por mês. No ano passado, fiz só 90”, contou Eduardo em entrevista ao jornalista Leo Dias.

O cantor ressaltou que neste ano a situação voltou a se normalizar, mas que a quantidade de shows estaria menor por sua opção: “A queda foi pelas posições política. Mas em 2019, eu estou estourado. Também optei por fazer menos shows. Não quero fazer mais que 10 ou 12”. 

Fonte:180 graus
Share:

Tudo acertado: Padre Paulo Gravará DVD no 1º dia de festa da Padroeira de Assaré

Tudo acertado: Padre Paulo Gravará DVD no 1º dia de festa da Padroeira de Assaré


Os detalhes foram acertados esta semana, em reunião do padre Paulo Costa com a equipe da TV Quixabeira  Cícero Ferreira e o redator Jesus Leite, na casa paroquial.
A história da gravação do DVD tomou forma, depois que os devotos assareenses cobraram do padre um show católico de peso, já que o mesmo é um excelente cantor, não sendo necessário trazer ninguém de fora.  Alegaram ainda, que a Paróquia possui uma banda afinadíssima que está sob o comando do cantor e maestro Luciano, que sempre acompanha também o vigário nas apresentações que ele tem feito. São shows que agradam bastante.
Desde que assumiu a sua primeira paróquia, (Tarrafas onde passou dois anos), o religioso fora descoberto como cantor católico. Recebeu incentivo, mas sempre alega a falta de tempo para se dedicar a música. Mas, de tanto agradar, até o bispo Dom Gilberto se tornou um apoiador do projeto musical do padre Paulo.
Agora, o diretor Cícero Ferreira recebeu algumas sugestões para gravar o show do nosso pároco. O padre Paulo se sentiu surpreso, mas aceitou a ideia. Até porque já existe a estrutura e ele já ensaiou com banda da Paróquia.
A TV Quixabeira fará as filmagens . Então, todos convidados para rezar cantando: dia 8 de setembro, após a novena da 1ª noite da Festa de Nossa Senhora das Dores em Assaré.   
Share:

Diz Macron Países do G7 vão enviar dinheiro para ajudar combate a queimadas

Em 26/08/2019 às 10:24
    Bombeiros se preparam para combater queimadas perto de Porto Velho (Foto: Reprodução/ G1)

Os líderes do G7 vão providenciar US$ 20 milhões (cerca de R$ 82,4 milhões) de ajuda emergencial para combater as queimadas na Amazônia, de acordo com o presidente francês, Emmanuel Macron, de acordo com a agência Reuters.

As queimadas na floresta amazônica já foram citadas pelos líderes reunidos em Biarritz, na França, no domingo (25).

Nesta segunda (26), o presidente Macron disse inicialmente que o grupo estava próximo de um acordo sobre como ajudar o Brasil e outros países a combater as queimadas, de acordo com o jornal "The New York Times".

Mais tarde, uma pessoa próxima a Macron disse que a realidade é que os países que têm florestas amazônicas precisam de financiamento, porque não têm fundos para pagar por aviões de combate a queimadas.

G1


Share:

Oficina de “Implementação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil” é realizada em Assaré

Oficina de “Implementação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil” é realizada em Assaré


Amamentar a criança é um ato natural. Faz parte do processo da procriação, uma das principais finalidades da vida. Na primeira vez que a criança pega o peito da mãe, recebe a primeira vacina que lhe vai imunizar de muitas doenças durante a sua existência. Amamentar, além de promover a alimentação segura na primeira infância, é também um grande ato de amor. A mãe não deve ter medo de amamentar, por temer que este ato lhe venha mexer com a sua estética. Nada disso. Já é provado cientificamente que ao amamentar, até melhora, não somente a estética, mas a saúde geral do corpo materno.

Há alguns anos, campanhas incentivando o aleitamento materno ocorrem em Assaré. Quando não é pela Secretaria Municipal de Saúde é pela Secretaria de Assistência (CRAS) ou até mesmo pelos projetos sociais do Centro Social   e   Educacional Maria de Jesus Oliveira.
Agora, mais uma campanha é assumida pela Secretaria de Saúde: No dia 21 de Agosto, aconteceu a Oficina de “Implementação da Estratégia Amamenta e Alimenta Brasil”, no Auditório Dona Belinha Cidrão, em Assaré. Participaram do momento as Unidades Básicas de Saúde da Moêda, Bonita, Populares e José Dodô. A oficina teve como facilitadora a Nutricionista Heloísa Firmeza do NASF-Núcleo de Apoio à Saúde da Família. Foi apresentado o que é a Estratégia, conhecimentos sobre aleitamento materno e alimentação complementar, bem como pactuadas ações a serem desenvolvidas nas Unidades Básicas acerca da temática.
Como sempre, houve no final o compromisso firmado com os profissionais das unidades, que estão mobilizando o público, para levar a efeito este programa que visa a saúde das crianças quando alimentadas pelo leite materno que proporciona também um maior vínculo de amor entre a mãe e seu filho.




Share:

PREFEITO DE ASSARE MOSTRA O ANDAMENTO DA ESTRADA QUE LIGA ASSARE À ALTANEIRA ,ACOMPANHE


Share:

Internado Apresentador de TV infarta ao vivo durante programa em Belém

        Joaquim Campos, apresentador do programa policial Metendo Bronca (Foto: Reprodução)

Em 25/08/2019 às 09:17
Joaquim Campos, apresentador do programa policial Metendo Bronca, exibido pela TV RBA, afiliada da Band em Belém do Pará, passou mal nesta sexta-feira (23). Informações iniciais davam conta que o veterano comunicador teria sofrido um infarto enquanto comentava de maneira exaltada sobre Jair Bolsonaro (PSL) e a polêmica do desmatamento e das queimadas na Amazônia.

Segundo essas informações preliminares, Joaquim enaltecia as políticas ambientais do governo Bolsonaro e criticava ONGs ecologistas, responsabilizando-as pelas queimadas na região. Mas segundo novas informações, o incidente, na verdade, teria ocorrido quando Campos comentava uma reportagem sobre pedofilia.

Nesse instante, o apresentador teve um mal súbito e foi socorrido ao vivo. Em seu lugar assumiu imediatamente seu colega de trabalho, conhecido como Avelar, que deu sequência ao programa.

Em nota oficial, a TV RBA comentou o caso e deu detalhes do estado de saúde de Campos. “O vereador de Belém e apresentador Joaquim Campos sofreu um infarto no final da manhã desta sexta-feira, 23. Foi prontamente atendido e levado para a urgência do Instituto de Previdência e Assistência do Município de Belém. Depois de transferido ao Hospital do Coração, onde foi submetido a um cateterismo, ficou constatada a necessidade de procedimento cirúrgico que deve ser realizado, no sábado, dia 24. O quadro de saúde dele é estável”, afirmou a emissora.

Neste sábado (24), em contato com Daniel Campos, filho do apresentador, a informação atual é que Joaquim Campos segue internado, o quadro é estável e ele ainda está aguardando por cirurgia.

Fonte: Observatório da TV


Share:

Ressocialização Mais de quatro mil detentos devem ser capacitados neste ano

    Segundo a SAP, a procura por cursos e vagas de empregos é grande entre os internos (Foto: Reprodução/           Diário do Nordeste)

Em 25/08/2019 às 09:01

"Quero ter essa profissão quando eu sair daqui", conta o detento Genésio Chaves, sobre a atividade com linhas, agulhas e tecidos. Espera dar orgulho à mãe, que é costureira. Ele é um dos presos do Centro de Execução Penal e Integração Social (Cepis) Vasco Damasceno Weyne, em Itaitinga, matriculados na turma de corte e costura do Sistema Penitenciário. O desejo dele, como de tantos outros, é ter uma oportunidade de emprego no futuro, ao fim da pena. A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) estima que, até o fim de 2019, mais de quatro mil presos sejam capacitadas para o mercado de trabalho.

O projeto de ressocialização é uma parceria entre a SAP e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai). Foram disponibilizadas quatro mil vagas de cursos profissionalizantes para os internos dos 14 presídios cearenses. "Começamos a capacitá-los, então isso gerou uma dinâmica. Uma ação positiva sempre vai gerar mais ações positivas", ressalta Mauro Albuquerque, titular da SAP.

Após ser preso, Genésio Chaves não imaginava como seria sua vida. Sem expectativas para os dias de liberdade, o homem conta ter sido surpreendido com a possibilidade de realizar um curso de capacitação. "Antes, eu não tinha noção do que iria fazer lá fora. Hoje, eu tô com uma certeza de que, quando eu sair, eu vou seguir essa profissão de corte e costura".

Além do curso de corte e costura, os detentos podem optar por se profissionalizar na área da construção civil, elétrica e outras. É a terceira vez que o professor e eletricista Francisco Monteiro ensina em presídios. Para ele, é gratificante notar que mais internos estão buscando se capacitar e, assim, mudar de vida. "Para nós, que somos professores, não tem nada melhor do que o conhecimento sendo adquirido. Vale a pena trabalhar com eles. Estamos educando as pessoas para uma nova vida", diz

Presídios

Após oito meses da implementação do projeto de ressocialização, o secretário Mauro Albuquerque entende como positiva a nova dinâmica do Sistema Penitenciário. Depois da conclusão do curso de capacitação, os presos realizam trabalhos diários dentro do próprio presídio. No Cepis, são 70 internos realizando serviços de construção civil e 800 se profissionalizando.

"Temos uma boa porcentagem de presos trabalhando e estudando. Além de melhorar o padrão, quebrando aquele clima de cadeia e dando total oportunidade para quando ele sair não voltar mais", explica o secretário.

O sistema penitenciário cearense conta com 24.500 detentos em regime fechado. O plano, conforme Mauro Albuquerque, é que duplique o número de presos capacitados. "A orientação do governador é que, daqui a três anos, todo preso que entrar no Sistema Penitenciário saia com uma profissão", afirma.

O diretor do Cepis, Paulo José Rodrigues, ressalta a mudança do presídio após os cursos de capacitação. "O impacto básico é a ordem, a disciplina e a segurança que está sendo desenvolvida. Ela vai em paralelo com o desenvolvimento da pessoa humana. Estamos em um novo paradigma, uma nova realidade".

Diário do Nordeste


Share:

Série A Ceará enfrenta o Flamengo em partida cercada de expectativas

    Time alvinegro precisa da torcida para suplantar o elenco milionário do  Flamengo (Foto: Reprodução/ Diário do Nordeste)


Em 25/08/2019 às 08:58
Após uma semana cercada de ansiedade e expectativas, chegou o momento em que Ceará e Flamengo medirão forças pelo Brasileiro. A promessa é de grande jogo às 19 horas, na Arena Castelão, em jogo que deverá receber o maior público do futebol cearense no ano e é extremamente importante para os dois clubes pela situação de ambos na competição.

Com três vitórias nos últimos cinco jogos, o Alvinegro vê na peleja de hoje a oportunidade de recuperação após a derrota sofrida para o São Paulo, no último domingo, que acabou fazendo o Vovô perder duas posições na tabela. Em caso de triunfo, o time de Enderson Moreira, atualmente na 12ª colocação, tem boas chances de terminar a rodada na primeira metade da tabela.

Um dos trunfos do Ceará para o jogo de hoje é o caldeirão alvinegro. Todos os 36 mil ingressos colocados à venda foram vendidos, e com os 14 mil lugares destinados aos sócios-torcedores, a expectativa é que 50 mil torcedores compareçam ao Gigante da Boa Vista. Se for confirmada, a marca registrará o maior público do futebol cearense em 2019, superando partida do próprio Ceará, que detém tal marca. No dia 2 de junho, na derrota por 1 a 0 para o Santos, 49.809 pagantes estabeleceram aquele que é, até agora, o maior público do Estado na atual temporada.

"Eu tenho dito que quando junta campo e arquibancada, é difícil parar a gente", disse o meia Thiago Galhardo, artilheiro do Ceará no Brasileirão, com sete gols. Mas a missão do Vovô não será fácil. Atual vice-líder do campeonato, o Flamengo precisa ganhar o jogo para seguir firme nas primeiras posições. Caso não vença, o time carioca pode ver o líder Santos abrir até cinco pontos de vantagem, perder até duas posições e ficar ameaçado de deixar a zona de classificação para a Libertadores.

Embora esteja com atenções voltadas para as quartas de final da competição sul-americana (na quarta-feira, enfrentará o Internacional, em Porto Alegre), o Rubro-Negro veio à capital cearense com o que tem de melhor.

O técnico Jorge Jesus faz mistério, e embora seja certo que ele irá poupar alguns jogadores do time titular na partida de hoje, o time irá com força para a partida. "Estamos com possibilidade de conquistar as duas competições, estamos apenas dois pontos atrás do Santos. Não podemos abdicar do título Brasileiro e dar prioridade só para uma competição. Temos que saber atuar nas duas situações", disse o técnico português.

Desfalque certo é o volante Cuéllar, que alegou problemas pessoais, pediu para não viajar e foi afastado pela diretoria "por tempo indeterminado". O zagueiro Pablo Marí, o lateral-esquerdo Filipe Luís e o atacante Bruno Henrique aparecem como possíveis poupados pela sequência recente de jogos. Gabigol, que se recuperou de dores na coxa esquerda e foi para o sacrifício contra o Inter, também pode ser preservado.

Por outro lado, o volante William Arão, que está suspenso da partida contra o Inter, é presença certa no time titular.

 Diário do Nordeste


Share:

Encontro Amazônia e tensões comerciais dominam início da cúpula do G7

    Somente de janeiro a 20 de agosto, o número de queimadas na região foi 145% superior ao registrado no mesmo período de 2018 (Foto: Reprodução/ Diário do Nordeste)

Em 25/08/2019 às 08:55
Os devastadores incêndios na Amazônia e o aumento das tensões comerciais no mundo concentraram as discussões no início do G7 de Biarritz, na França, uma cúpula sob clima tenso e de divisões. O G7 é a reunião dos sete países mais industrializados do mundo.

O presidente francês, Emmanuel Macron, anfitrião do encontro, apelou a "uma mobilização de todas as potências" para ajudar o Brasil e os demais países afetados a lutar contra os incêndios florestais na Amazônia e para investir no reflorestamento das regiões atingidas.

"Devemos responder ao apelo da floresta (...) da Amazônia, nosso bem comum (...), então vão agir", pediu em um discurso televisionado, antes de receber seus colegas.

As negociações podem ser delicadas, depois que Macron acusou o presidente brasileiro Jair Bolsonaro (PSL) de "mentir" sobre seus compromissos climáticos e de "inação" diante dos incêndios.

As críticas podem contrariar o presidente norte-americano Donald Trump, de quem Bolsonaro é um firme defensor no cenário internacional.

Berlim, por outro lado, manifestou relutância ao anúncio de que Paris bloquearia o projeto de acordo comercial entre a União Europeia e o Mercosul. O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, presente em Biarritz, reconheceu que seria "difícil imaginar" que a UE ratifique o acordo enquanto o Brasil "permitir a destruição" da região da Amazônia.

Governo brasileiro

Antes de viajar à França, Donald Trump telefonou ao presidente Jair Bolsonaro para oferecer ajuda. É a partir dessa aproximação entre os dois governos que o Palácio do Planalto, crítico ao assunto ser levado ao G7, espera a mínima interlocução no cenário mundial. Tentando evitar o isolamento político, Bolsonaro publicou nas redes sociais diálogos com outros chefes de nações sobre as queimadas.

"Tive ainda a oportunidade de conversar com os presidentes do Equador, do Chile, da Argentina e da Espanha, que se solidarizaram com o Brasil e com a campanha de notícias falsas que enfrentamos, e se colocaram à disposição para ajudar-nos no combate aos incêndios na Amazônia", escreveu no Twitter.

Bolsonaro confirmou ontem que conversou com o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, sobre a possibilidade de chamar o embaixador do Brasil na França ao País. O Governo brasileiro estuda chamar o embaixador após os ataques que o presidente francês, Emmanuel Macron, fez ao presidente.

"Conversei com o Ernesto, estamos avaliando", disse Bolsonaro ao deixar o Alvorada pra um almoço com o vice-presidente, Hamilton Mourão, no Palácio do Jaburu. O encontro durou menos de uma hora. Questionado se procuraria Macron, Bolsonaro reagiu: "depois do que ele falou a meu respeito, você acha que vou falar com ele? Eu estou sendo muito educado, porque ele me chamou de mentiroso".

O presidente brasileiro não detalhou que tipo de ajuda os EUA podem dar ao Brasil, mas lembrou dos incêndios que ocorrem na Califórnia, causando uma catástrofe.

Manifestações

Ainda neste sábado (24), milhares de manifestantes protestaram em Bayonne, perto do resort na cidade francesa de Biarritz, local onde os chefes de Estado estão reunidos, para protestar contra o G7. Os ativistas antiglobalização e que se autodenominam defensores do meio ambiente se uniram a manifestantes com "coletes amarelos". Entre os principais assuntos do ato estavam as queimadas na Amazônia.

O protesto gerou confronto. A Polícia chegou a usar bombas de gás lacrimogêneo e jatos d´água para dispersão. Um helicóptero sobrevoou uma área com dezenas de manifestantes. Alguns jogavam pedras e gritavam contra linhas de proteção formadas por policiais, no centro histórico da cidade basca.

Centenas de novos incêndios continuaram sendo declarados na Amazônia brasileira, de acordo com dados oficiais ontem, em meio ao clamor mundial que levou o Governo brasileiro mobilizar as Forças Armadas para combatê-los.

As cifras oficiais mostram que 78.383 incêndios florestais foram registrados no Brasil neste ano, o pior registro para esse período desde 2013, o que os especialistas em meio ambiente atribuem ao avanço do desmatamento.

Guerra comercial e crise iraniana também em debate

Em meio às tensões envolvendo a floresta Amazônica, o grupo das potências econômicas também tem priorizado assuntos como a “guerra comercial”, o “Brexit” e a “crise nuclear iraniana” entre as pautas da reunião do fim de semana. 

“As tensões comerciais são ruins para todos”: o presidente francês Emmanuel Macron lançou o alerta, enquanto Donald Trump fez ameaças, depois da China, a França e a Europa, com sanções comerciais. 

O americano evocou a possibilidade de um imposto sobre os vinhos franceses pouco antes de desembarcar em Biarritz. “Taxas alfandegárias como nunca viram”, ressaltou. Represálias eram esperadas após a adoção pela França de um imposto sobre os gigantes digitais americanos.

O presidente francês espera também obter de seus colegas gestos de apaziguamento sobre a crise iraniana para salvar o acordo internacional de 2015, denunciado pelos Estados Unidos e do qual Teerã ameaça se liberar progressivamente.

Macron se encontrou na última sexta-feira (23) em Paris com o chefe da diplomacia iraniana, que disse que as coisas estavam indo “na direção certa”. O francês deveria discutir a questão no almoço que compartilhou com Donald Trump antes da cúpula.

A reunião do G7 é realizada na França entre os dias 24 e 26 de agosto com as presenças de Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido.


Diário do Nordeste


Share:

Nota de Pesar

Nota de Pesar

Como presidente da Câmara Municipal dos Vereadores de Tarrafas, em nome dos demais membros da edilidade, usolidarizo-me na dor da família de seu Júlio Cândido, falecido na noite de ontem em nossa cidade.
Seu Júlio teve uma vida toda em Tarrafas, de onde jamais saiu, construindo a sua prole e viveu cercado de amigos. Era pai do ex-prefeito Tertuliano Cândido de Araujo, do ex-vereador Genúbio Alcântara e avô paterno do atual prefeito Tertuliano Martins.
O extinto viveu para o bem. Que Deus o tenha na Mansão Celestial onde habitam os justos.
Sala das Sessões da Câmara Municipal de Tarrafas em 23 de agosto de 2019.


Valdeci Ferreira Lêu

Presidente
Share:

BIOMETRIA OBRIGATÓRIA

BIOMETRIA OBRIGATÓRIA

Você sabe o que pode acontecer quando o seu título eleitoral é cancelado?

Por ser o documento que lhe garante a cidadania, quando ele é cancelado outros documentos como CPF poderão perder a validade. E sem o CPF nada você poderá fazer como pessoa  física, não poderá fazer transações comerciais, concursos públicos, viagens ao exterior, interferindo até em aposentadorias.

Procure agora mesmo o Cartório Eleitoral de Assaré, de segunda à sexta-feira, das 08h às 17h, até o dia 31 de Outubro e faça a sua Biometria.

Não deixe cancelar o seu título!!!

É bom para você e para o Brasil!

Não abra mão dos seus direitos adquiridos através do Título Eleitoral!
Share:

TURBINE SUA CONEXÃO COM A INTERNET DO COMANDANTE


Share:

'Fui presidente para interferir mesmo', disse Bolsonaro sobre PF e Receita

Por interferência de Bolsonaro, foi trocado o comando da superintendência da PF no Rio de Janeiro e foi afastado o subsecretário-geral da Receita Federal.

O presidente ressaltou que a Receita Federal "tem problemas" e que, por isso, deve haver novas mudanças, sem especificá-lasArquivo/Agência Brasil
Em uma reação às críticas de que tem interferido na Polícia Federal e na Receita, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que foi eleito justamente para tomar decisões e que não será um "banana" ou um "poste" no exercício do mandato.
"Houve uma explosão junto à mídia no Brasil, uma explosão. Está interferindo? Ora, eu fui [eleito] presidente para interferir mesmo, se é isso que eles querem. Se é para ser um banana ou um poste dentro da Presidência, tô fora", disse nesta quarta-feira (21) na abertura do Congresso Aço Brasil.
A pedido do presidente, o que causou um constrangimento ao ministro da Justiça, Sergio Moro, foi trocado o comando da superintendência da PF no Rio de Janeiro. E, na segunda-feira (19), também após uma interferência dele, foi afastado o subsecretário-geral da Receita Federal.
"Na Polícia Federal, eu indiquei o Moro. E o Moro indicou o diretor-geral. E ali, no quarto escalão, há as superintendências. Onze já foram mudadas. Quando apareceu a do Rio de Janeiro, eu fiz uma sugestão de pegar o superintendente de Manaus", disse Bolsonaro.
O presidente ressaltou que a Receita Federal "tem problemas" e que, por isso, deve haver novas mudanças, sem especificá-las. Uma das possibilidades cogitadas é a troca do secretário especial, Marcos Cintra. "A Receita Federal tem problemas. Faz um bom trabalho, mas tem problemas. E devemos resolver esses problemas trocando gente", disse.
O cargo do subsecretário de Fiscalização da Receita, Iágaro Martins, por exemplo, também está em risco. Ele é visto como um integrante do órgão ligado ao Ministério Público e vem sendo criticado nos bastidores após investigações envolvendo a família de Bolsonaro.
A PF do Rio passa por momento delicado, especialmente após o caso Fabrício Queiroz, PM aposentado e ex-assessor de Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). Ele é pivô da investigação do Ministério Público do Rio que atingiu o senador e primogênito do presidente. 
A apuração começou após um relatório do governo federal ter apontado a movimentação suspeita de R$ 1,2 milhão na conta do ex-assessor do filho do presidente na Assembleia Legislativa do Rio, de janeiro de 2016 a janeiro de 2017. Esse caso especificamente não está com a PF, mas há investigações que podem envolver os mesmos personagens.


Share:

MOB TELECOM O DOM DE CONECTAR

Ótica San Vallentin

RC CAFETERIA

RC CAFETERIA

RC FLORES

RC FLORES

RC ÓTICA

RC ÓTICA

Caninana - Então Leva Eu (Clipe Oficial)

Redes Socias

Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Players da Rádio Quixabeira FM

Escreva-se no nosso Site

Curta nossa Página do Facebook

As Mais Lidas do Site

TOTAL DE VISUALIZAÇÕES DO SITE

Ouça no Rádios Net