Punição Zagueiro alvo de racismo na Itália é suspenso por 2 jogos


Inter também foi punida com 2 partidas de portões fechados (Foto: Reprodução/ Notícias ao Minuto)
Em 27/12/2018 às 14:25

O zagueiro do Napoli Kalidou Koulibaly, alvo de racismo em uma partida contra a Inter de Milão na última quarta-feira (26), foi suspenso por dois jogos por causa de sua expulsão nos minutos finais do duelo, válido pela Série A.

Koulibaly recebeu o primeiro cartão amarelo por uma falta e o segundo por aplaudir ironicamente o árbitro Paolo Mazzoleni, que não tomara nenhuma atitude para inibir os cânticos racistas entoados por torcedores da Inter.

Segundo o juiz desportivo Gerardo Mastrandrea, o zagueiro franco-senegalês foi suspenso por um jogo pelo cartão vermelho e levou gancho de mais uma partida por causa do "aplauso irônico" ao árbitro. O magistrado também suspendeu o atacante Lorenzo Insigne por duas rodadas por ter "insultado" o juiz do jogo.

Já a Inter de Milão terá de jogar duas partidas no San Siro com portões fechados e uma terceira sem público na "curva norte", onde ficam suas torcidas organizadas, devido aos "coros de matriz racial e territorial no jogo contra o Napoli".

O caso

Na última quarta-feira, durante o duelo entre Inter e Napoli, vencido pelo time da casa por 1 a 0, torcedores do clube nerazzurro gritaram ofensas racistas contra Koulibaly, que é negro. Além disso, foi possível ouvir cânticos discriminatórios contra os napolitanos, incluindo uma música pedindo para o vulcão Vesúvio "lavá-los com fogo".

Os alto-falantes do San Siro chegaram a emitir apelos solicitando o fim das ofensas e alertando que a partida poderia ser suspensa, mas nada aconteceu. "Lamento pela derrota e por ter deixado meus irmãos. Mas tenho orgulho da cor da minha pele, de ser francês, de ser senegalês, napolitano, homem", escreveu Koulibaly no Twitter.

Após a partida, o treinador do Napoli, Carlo Ancelotti, disse que pedira três vezes a suspensão do jogo por causa das ofensas racistas. "Na próxima vez, abandonaremos o campo, talvez nos deem a partida como perdida", afirmou.

Segundo Ancelotti, Koulibaly estava "nervoso" por causa do comportamento dos torcedores da Inter e da falta de ação do árbitro. "Normalmente ele é calmo e respeitoso", garantiu. O zagueiro também ganhou o apoio do craque da Juventus Cristiano Ronaldo, que publicou uma mensagem em sua defesa nas redes sociais.

"No mundo e no futebol precisamos de educação e respeito. Não ao racismo e a qualquer ofensa e discriminação", escreveu o português. Já o procurador da Federação Italiana de Futebol (Figc), Giuseppe Pecoraro, declarou à ANSA que queria a suspensão da partida, mas que a decisão cabia às forças de ordem e ao juiz.

O responsável pela polícia de Milão, Marcello Cardona, justificou que seria "arriscado" interromper a partida a cinco minutos do fim. "Os gritos contra Koulibaly foram registrados e, após o anúncio no estádio, foram interrompidos. Quando o jogador foi expulso, a cinco minutos do fim, [os cantos] recomeçaram.

Naquele momento, era arriscado parar tudo, era melhor terminar a partida normalmente", declarou. 

NoticiasaoMinuto
Share:

Nenhum comentário:

Ouça a Rádio Quixabeira Ao vivo

Clique na Imagem e Ouça a Rádio Quixabeira

I9EVENTOS ASSARE


OS MELHORES PRODUTOS PARA SUA CONSTRUÇÃO

MOB TELECOM

MOB TELECOM
TURBINE SUA CONEXÃO

ARATCAEJO PAGUE MENOS BARBALHA

ARATCAEJO PAGUE MENOS BARBALHA
ARATCAEJO PAGUE MENOS BARBALHA

LEVE PARA SEU EVENTO

LEVE PARA SEU EVENTO
CONTATOS PARA SHOWS:(81) 9.9929-8456 / (88) 9.9925-3344

RC ÓTICA

RC ÓTICA
16 Anos com Responsabilida e Qualidade Cuidando dos Seus Olhos.

EMPÓRIO DO AÇAÍ

EMPÓRIO DO AÇAÍ
PRODUTOS NATURAIS

APP MINHA MOB

ÓTICA SAN VALLENTIN

ÓTICA SAN VALLENTIN
Aqui você enxerga a diferença

Redes Socias

Twitter Google Plus Email Twitter Facebook Instagram email Email

Players da Rádio Quixabeira FM

Curta nossa Página do Facebook

TOTAL DE VISUALIZAÇÕES DO SITE

Ouça no Rádios Net